terça-feira, 14 de agosto de 2007

Mudanças

Todos, sem exceção, passamos por mudanças, separações e perdas ao longo da vida. O que acontece depois disso depende de nós. Precisamos olhar para frente, de cabeça erguida, em busca de um novo horizonte. Obviamente, ficam as coisas boas, prazeirosas e a certeza de que buscamos sempre o melhor. São estas lembranças que devemos guardar. O ruim ficou e deve ser esquecido. Avante!!!!

2 comentários:

Bernardete disse...

Caro Jorge

Perdas e mudanças são inevitáveis ao longo da vida.
Saber lidar com elas é que é o "X" da questão.
Sou do tipo que demora um bocado prá conseguir erguer a cabeça e ir em frente...
Mas fazer o que?
É a danada da vida , com seus altos e baixos.
De qq forma seu texto veio em boa hora.
um abraço

marcia fernanda disse...

Achei que tinha tudo a ver

Altos e Baixos, by Elis Regina

Foi quem sabe
Este disco, esse risco de sombra em teus cílios
Foi ou não meu poema no chão ou talvez nossos filhos
As sandálias de salto estão no alto
O relógio batendo
O relógio
As sandálias
E eu batendo em teu rosto
E a queda dos saltos tão altos sobre os nossos filhos
Com um raio de sangue no chão
Do risco em teus cílios
Foram discos demais, desculpas demais,
Já vão tarde estas tardes demais,
Tuas almas, meus sais,
Uisque, dietil, diempax
Mais há que se louvar
Entre altos e baixos
O amor quando traz tanta vida
Que até prá morrer leva tempo demais