segunda-feira, 2 de março de 2009

A empáfia tricolor desapareceu. E o Inter foi naturalmente campeão do primeiro turno



Eles contavam com a vitória certa, diziam que o time deles estava mais organizado, que tínhamos apenas destaques individuais. Não foi o que se viu ontem no Beira-Rio. O Internacional venceu o Porto-Alegrense por 2 a 1 e conquistou invicto (oito vitórias e dois empates) a Taça Fernando Carvalho, correspondente ao primeiro turno do Gauchão. Índio - em um potente chuta à queima-roupa - e Magrão - por meio de um grande cabeceio - marcaram para o Inter. Estamos despachando eles a cada jogo: foi a segunda vitória colorada no clássico em 2009 e o primeiro título conquistado no ano do centenário. Agora, o Inter tem vaga assegurada na final da competição. Se vencer a Taça Fábio Koff, equivalente ao segundo turno, o time colorado será declarado campeão gaúcho. Foi a vitória da organização, do desempenho tático de jogadores como Sandro, Guiñazu, Andrezinho e Magrão e da técnica superior de Nilmar, Taison e Kléber. Foi mais triunfo do contestado Tite contra o idolatrado Roth. Venceu o melhor, que teve também na torcida um ponto forte. Agora, vamos avançar na Copa do Brasil e ganhar o segundo turno do Gauchão. E teremos mais taças no armário.

2 comentários:

http://blogzirleipereira.blogspot.com/ disse...

ola jorge correa , legal seu blog
apareça la no blog zirleipereira

http://blogzirleipereira.blogspot.com/ disse...

ola jorgecorrea legal seu blog apareça la no blog zirleipereira e faça parte da comunidade do blog