domingo, 6 de janeiro de 2008

A energia do silêncio

Que bom se todos entendessem o significado deste texto de Clarice Lispector:

"Ouve-me,
ouça o meu silêncio.
O que falo nunca é o que falo e sim outra coisa.
Quando digo "águas abundantes" estou falando da força de corpo das águas do mundo.
Capta essa outra coisa de que na verdade falo, porque eu mesmo não posso.
Lê a energia que está no meu silêncio. Ah tenho medo do Deus e do silêncio.
A prece profunda é a meditação sobre o nada."

Um comentário:

CresceNet disse...

Gostei muito desse post e seu blog é muito interessante, vou passar por aqui sempre =) Depois dá uma passada lá no meu site, que é sobre o CresceNet, espero que goste. O endereço dele é http://www.provedorcrescenet.com . Um abraço.