sábado, 20 de junho de 2009

Em defesa do diploma, estudantes trancam avenida em Porto Alegre

Dezenas de estudantes da Faculdade de Comunicação (Famecos) da Pontifícia Universidade Católica (PUCRS), de Porto Alegre, promoveram um protesto nesta sexta-feira à noite contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de derrubar a obrigatoriedade do diploma para exercer a profissão de jornalista. Eles interromperam o fluxo de veículos na Avenida Ipiranga, no sentido centro-bairro, por volta das 19h20min, exibindo faixas, cartazes, narizes de palhaço e palavras de ordem contra a decisão.


Foto de Elson Sempé Pedroso

Também entregaram a estudantes e à população um panfleto preparado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul, que denunciava o golpe orquestrado pelo presidente do STF, Gilmar Mendes. No material, denunciaram que oito ministros definiram o destino de 80 mil jornalistas profissionais diplomados no País, além de prejudicarem uma população de 180 milhões de brasileiros, que podem ficar sem informação qualificada.
Um pelotão de choque do 11º Batalhão da Polícia Militar foi até o local para negociar a liberação da via. O protesto na avenida durou 20 minutos entre intervalos com pista total interditada e meia liberada. Para o segundo vice-presidente do Sindicato dos Jornalistas, Jorge Correa, essa é a primeira ação de estudantes e da entidade em defesa da formação para o exercício do Jornalismo. O dirigente convoca outros estudantes e profissionais para a manifestação que será realizada ao meio-dia de quarta-feira, 24 de junho, na Esquina Democrática, Centro da Capital.
Leia mais, inclusive com mais fotos, no site do Sindicato:
http://www.jornalistas-rs.org.br/

Um comentário:

Eu Sou Famecos disse...

Oi Jorge!
Bacana saber que estás acompanhando essa nossa batalha pela queda-e-volta do diploma.
Quero te convidar para assistir a um vídeo-manifesto preparado pelo corpo docente da Famecos. Ele está online aqui: http://www.youtube.com/watch?v=3hkkQKqNI5g

Seguimos na batalha! Abraço!